Capítulo

Publicidade

6

Nos dias seguintes, me preocupo apenas em estudar, fazer os trabalhos escolares que os professores pediram, além de ajudar nos preparativos da festa. A quadra está cada vez mais bonita, com enfeites nas várias tonalidades de marrom e amarelo, transformando o lugar numa floresta no ápice do outono. Em nenhuma outra escola vi tamanha criatividade, ou se quer a iniciativa de fazer algo assim. 

Ainda bem que durante esses dias, a Bianca e a Alessandra não tocaram mais no assunto “Júlio”.  O problema é que ele se afastou um pouco de mim, conversamos cada vez menos, além de ter ficado mais sério, são poucos os momentos que o vejo sorrir.

Acredito que as meninas estavam erradas em dizer que ele está gostando de mim. O problema, agora, é que todas às vezes que o vejo, sinto aquela sensação esquisita na barriga, é como se milhares de borboletas estivessem voando no meu estomago, além de um frio quase congelante percorrer minha espinha.

Essas sensações ficam piores nas poucas vezes que ele conversa comigo, me sinto nervosa, meu rosto queima toda vez que isso acontece, inclusive, percebo as risadinhas das meninas para mim, por causa disso. Mais que droga! Por que não consigo me controlar? O que está acontecendo comigo?

Uma coisa realmente boa, que aconteceu, é que não tive mais enjoos por causa da comida, na verdade, até que estou comendo muito bem. Acho que agora tudo vai voltar ao normal.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.