Drama
33
6

Capítulo

Publicidade

CAPITULO VINTE E NOVE

Era uma manhã atípica na cabana. Normalmente eu acordava com um lindo sol brilhante atrás das árvores, mas naquela manhã o sol não apareceu; nuvens acinzentadas cobriam todo o céu deixando-o depressivo, triste e apagado. Eu odiava dias assim, sempre acontecia algo ruim.

Tomas e eu tomamos café da manhã, recolhemos os ovos do galinheiro e resolvemos guardar a lenha antes da chuva chegar. Estávamos apressados porque começou a chuviscar e sabíamos que logo a chuva molharia tudo.

— Vá para a cabana, Anna Elena.

— Mas ainda não terminamos.

— Agora. – gritou.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.