Capítulo

Publicidade

Fotos

Vídeo


3 – O desconhecido

O homem permanecia me encarando, à espera de uma resposta. Tirei o crachá que mantinha preso à mochila e entreguei a ele, que logo relaxou ao perceber que eu não era uma maluca decidida a acampar no telhado do hospital. Encarei a caixinha de suco descartada no chão ao lado de uma maçã comida pela metade, e dos papéis arrancados do caderno. Talvez eu fosse uma maluca que acampava no telhado de prédios públicos. Catei a sujeira que fiz e escondi em um saco pardo da lanchonete.

– Pensei que os estágios de psicologia fossem pela manhã – Eu sabia disso, inclusive, faltei o meu. Fiquei calada, entretanto. Como permaneci em silêncio, ele me devolveu o crachá ainda sem se identificar – Gostei do seu nome, Micaela.

Minha mãe costumava dizer que me deu este nome para que nunca me perdesse na rua. Sempre que ela gritasse “Micaela”, seria provável que só eu responderia.

– Pode me chamar de Mica. E você é?

– Oh, me desculpe! Sou Benício ou Ben, se preferir. A nova contratação do quadro médico – ele estendeu a mão para me cumprimentar. Estavam frias por causa do álcool que passou poucos minutos atrás, porém o aperto era firme. Ele sorriu, mostrando dentes brancos por trás da barba negra. Seus olhos azuis não desviavam do meu rosto. Ben parecia intrigado pela minha presença – A gente se conhece?

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.