Capítulo

Publicidade

CAPÍTULO XIII - A CULPA FOI DO DESTINO!

                             Baseando-se na teoria de “papai”, ele nunca nos abandonou fora o destino que o fizera inadvertidamente!

                                   Assim como o ladrão não tem culpa de roubado, o criminoso de qualquer tipo, perpretado seu delito, ele simplesmente não fez nada de mais, segundo seu ponto de vista!

                                   Aliás, segundo essa mesma perspectiva, normalíssimo o chefe da família abandoná-la a própria sorte, esposa grávida e três crianças pequenas, cair no mundo, em busca de aventura!

                                   Quer saber?

                                   Nem sendo louco. Pois o mais das vezes, essas criaturas, desprovidas de algo que se costuma chamar sanidade mental, são muito mais capazes de se sensibilizarem do que os chamados “normais”!

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.