Drama
41
7

Capítulo

Publicidade

CAPITULO SETE

Mal nos falamos por uns dois dias, pelo menos. Tomas vinha falar comigo, eu saía de perto. Ele fez o almoço, jantar, deixou o café da manhã servido na mesa e eu não comi. Só de raiva. Não queria que ele cuidasse de mim, não mais. Não queria depender de alguém, por isso, me esforcei para conseguir fazer, ou começar a fazer tudo sozinha. Ao invés de tomar o café que ele preparava, eu fazia uma vitamina, por exemplo. Admito que no primeiro dia foi difícil e dolorido, eu ainda usava a tipoia e tinha curativos no meu abdômen, mas superei. No segundo dia passou a doer e incomodar menos. Bom sinal! Logo estaria bem e independente!

Não conseguia conversar com ninguém pelo telefone, não me sentia à vontade para falar dele com a Lua porque, não importava o cômodo que eu estivesse, daria para ele ouvir minha conversa, o apartamento era pequeno, paredes finas, cômodos muito próximos um do outro, mas eu precisava conversar com alguém. Há quase duas semanas que eu só tinha contato com Tomas, não conversei com mais ninguém, não vi mais ninguém, exceto o dia que fomos no shopping, depois disso, não saímos mais. A única forma que encontrei de conversar com minha amiga com privacidade foi por mensagens. Desabafei com ela sobre meu namorado e confessei minha vontade de vê-la. Lua me confortou prometendo que daria seu "jeitinho". Falaria com Igor e naquele próximo final de semana nos encontraríamos! Saí do banheiro e ele logo veio falar comigo:

— Amor, me desculpe por aquele dia; eu ainda estava preocupado demais... fiquei imaginando você sozinha no parquinho, e se passasse mal? Se desmaiasse? Não teria ninguém para te ajudar... Eu não estaria lá para te proteger... Me desculpa? – pediu com as mãos no meu rosto.

— Tomas, você sabe que te amo, não sabe?

— Sei, Amor. E você sabe que eu tam...

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.