Capítulo

Publicidade

I - O massacre

Natham Benfort retornava para o lar após dois anos de batalhas incessantes no Norte em nome da Sagrada Igreja da Revelação. Diferente do jovem que partira da pequena aldeia de camponeses com dezesseis anos, agora, apesar da pouca idade, o rapaz já tinha em suas mãos mais sangue que muitos homens teriam durante toda a vida.

No entanto, o mesmo havia sido instruído pelos Altos Sacerdotes de que nada do que havia vivenciado ou aprendido devia ser revelado para as pessoas comuns. Os segredos da igreja e da guerra não deviam ser do conhecimento de todas as pessoas.

O terror presenciado pelo rapaz quase o consumira logo nas primeiras semanas após sua partida, logo que encontrara as criaturas das trevas e presenciara em primeira mão tudo que elas faziam aos homens. Fora preciso muito estômago para adentrar vilarejos e aldeias repletos de pessoas massacradas, alguns simplesmente destroçados, seus corpos mutilados espalhados por toda parte e outros ainda transformados em monstros, alterados, seus corpos sagrados agora usados pelo Senhor das Trevas para servirem em seus exércitos na forma dos mais diversos tipos aberrações, de zumbis a lobisomens e vampiros.

Era bem verdade que Natham nunca havia se encontrado com um Lorde Vampiro ou um Supremo Licantropo, e agradecia a Deus em todos os momentos por isso, mas simplesmente os servos menores que confrontara já haviam sido o suficiente para que temesse as bestas com todo seu coração.

 

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.