Capítulo

Publicidade

FORÇA DO HÁBITO

Catherine estava recebendo mais uma vez, seus netos em casa. Sua filha única e seu único genro trabalhavam o dia inteiro e a única solução era deixar as crianças com a avó, mesmo o pai delas sendo contra.

Só que quando davam as costas, os tios dos meninos que moravam com a mãe, dois homens de mais de vinte e cinco anos, comiam os lanches das crianças, deixando os pequenos com fome, até seus pais chegarem do trabalho para pegá-los e levá-los para casa.

Aquilo se repetiu por vários meses, até que um dia o genro foi lá e deixou alguns lanches, avisando que as crianças iriam chegar mais tarde, pois estavam participando de uma festa na escola onde estudavam. Os tios das crianças, com a conivência da mãe, Catherine, logo saíram abrindo os pacotes de biscoitos e guloseimas, assim que o genro deu as costas.

De repente, começaram a passar mal, espumar pela boca e agonizar até a morte no chão. Pois os lanches estavam envenenados. As crianças, por sorte, não tiveram a chance de comê-los, para sorte e desespero da mãe e sogra, que gritava nas portas dos vizinhos, pedindo ajuda.

E como nunca ninguém conseguiu descobrir o que havia acontecido, Catherine foi acusada de ter envenenado os próprios filhos, vindo a ser condenada à cadeira elétrica pelo estado do Alabama, perdendo seu direito de ver a luz do dia, estando na cadeia até hoje, esperando pelo seu último dia nesta terra.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.