Capítulo

Publicidade

Capítulo 40

Preciso dizer. Pavor, desespero, medo, confusão... todas essas coisas atrapalham seu raciocínio lógico. Por que eu digo isso? É bem simples, minha mãe não se chamava Marva.

Seu nome era Aylla e ela era a criatura mais bondosa de todo o reino. Era uma mãe amorosa e cuidadora, além de amar profundamente meu pai, Orm. Sua morte foi uma verdadeira tragédia para o reino e, principalmente, para a Aryana, que teve que me criar praticamente sozinha. Eu tinha um ano de vida quando meus pais morreram, e tudo que sei sobre eles vem de histórias que minha irmã contava e do que assisti, incontáveis vezes, na fonte de granada. Eu cresci ouvindo como eles eram adorados por todos e atenciosos para com os seus. Em períodos de guerra eram implacáveis contra seus inimigos e eu sempre tentei seguir esse exemplo. Podemos claramente, ver que não funcionou 100%, não é mesmo?

- Se eu fosse sua mãe, criança tola, certamente você não estaria sentada no trono, brincando de rainha.

- Como? – sacudi minha cabeça tentando raciocinar direito – Então quem é você?

- Você é a gêmea, não é? – disse Ciaran, ele havia se aproximado de mim e eu nem percebi – Aquela que desapareceu após a morte da rainha.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.