Capítulo

Publicidade

020

155bad5364e27fd5630608593453

Quando saiu do sonho, imediatamente ela se teletransportou para o lugar onde tentaria conseguir respostas. Assim que o seu poder cessou o efeito, ela surgiu diante de uma modesta porta. Literalmente apenas uma singela porta, presa em um portal. Abrindo e passado por ela chegou em uma pequena antessala com sofá e uma planta. Ao lado do móvel havia outra porta, a qual abriu e viu o que havia do outro lado: um lugar pouco escuro pois, a pouca iluminação vinha de tochas que estavam fixadas em alguns dos inúmeros pilares que seguiam formando um caminho. Por entre os pilares ela percebeu o tapete vermelho no chão. Ela passou pela outra porta e, pelo tapete vermelho, seguiu até o balcão. Era um móvel não tão grande, e feito de madeira e vidro. Ali era possível ver alguns itens como brincos, anéis e colares, mas apenas isso já que, olhando para os lados a escuridão encobria tudo. Sem out

 — Saetele ao seu dispor. Em que posso ser útil?

Ela o encarou achando interessante a armadura do atendente. Nela predominavam três cores: prata, cobre e branco. A base era branca, e as inúmeras figuras eram desenhadas com as outras cores. A impressão que passou à cliente é de que nele, havia algo de circense.

— Preciso de ajuda.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.