Capítulo

Publicidade

A FESTA DAS BRUXAS

Elvira precisava fazer uma poderosa poção do amor para uma cliente que havia pagado bastante caro pelo serviço. Mas para que essa poção fosse realmente eficiente, era necessário o sangue de uma fada. Além de que a velha bruxa não tinha como trazer uma até sua cabana, pelo fato de que fadas e bruxas eram inimigas naturais.

A velha bruxa pensou num pano, pensou, pensou e a ideia surgiu: ela resolveu então dar uma festa á fantasia e convidar algumas fadas. Para isso, enviou vários convites para o reino das fadas. Depois convocou suas amigas bruxas e explicou todo o plano. As demais bruxas não só concordaram como também ficaram animadíssimas, para ver o banho de sangue.

Dias depois, as fadas responderam ao convite, para a alegria de Elvira e das demais bruxas. Logo elas correram como loucas para providenciar toda a decoração, comes e bebes e até mesmo uma banda de música, que ia animar a festa.

No dia combinado para a festa, várias bruxas de vários lugares apareceram e ficaram esperando pelas fadas. O tempo passava, a festa acontecia e nada das fadas aparecerem. A bruxa que organizou a festa estava até preocupada com sua reputação.

De repente, um grupo de bruxas começou a matar as bruxas ao redor discretamente, atravessando punhais encantados em seus corações. Eram as fadas fantasiadas de bruxas, que há anos esperavam por uma oportunidade para matar suas inimigas.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.