Capítulo

Publicidade

A ESCRAVA

Helen Korschitz era uma mulher alcoólatra: todos os dias tinha que tomar seu trago, sua dose de tequila ou uísque depois do trabalho, como uma oração diária ou uma obrigação. Só que a obrigação tinha hora para começar, mas não tinha limites para acabar. E por causa disso, Helen sempre acabava chegando em casa às quedas.

Todos os seus familiares, desde seus filhos até os demais parentes, já estavam bastante preocupados. pois o vício só crescia em sua vida, fazendo muitas vezes com que ela chegasse a vender seu corpo para homens de várias idades e classes sociais, por uma dose de álcool qualquer. E essa atitude dela, estava causando vergonha para toda os que a conheciam. 

Não tendo mais nenhuma outra opção a não ser o radicalismo, a família de Helen retirou tudo o que continha álcool de dentro de sua casa, para evitar que a mesma não chegasse a beber até mesmo os perfumes. Em menos de uma semana, só existiam sucos e água dentro de casa, como únicos líquidos presentes e liberados.

Possessa com aquela situação, gritando e praguejando contra tudo e todos, Helen passou dois dias sem dar uma palavra que fosse com seus parentes, até que numa noite fria de sexta-feira, durante a janta e sem que ninguém percebesse, ela colocou sonífero no café e após a janta, esperou que todos fossem dormir.

Foi aí que à meia-noite, calma e silenciosamente e com uma afiadíssima faca, Helen cortou as gargantas de cada um de seus entes queridos, bebendo o sangue deles apenas para suprir sua crise de abstinência.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.