Capítulo

Publicidade

Capítulo 62

- Da ela pra mim. – Estendi as mãos, sentindo-as tremer. - Por favor.

- Ian, pegue as toalhas. – Ian saiu de trás de mim e apareceu no meu campo de visão com um bolo de toalhas nas mãos.

- Eu quero minha filha... – Me estiquei ainda mais quando ela terminou de enrolar o pequeno pacotinho. Peguei-a com cuidado e sorri, notando pela primeira vez as lágrimas que desciam no meu rosto.

- Ela é tão linda... - Passei a ponta dos dedos no seu rostinho, que está coberto por uma "meleca" branca que ao ser limpada com um pano úmido nas mãos de Amanda, mostra sua pele rosada. Desde os cabelos escuros, a careta mais fofa que eu já vi, toda vez que um resmungo de irritação sai dos seus lábios, até os olhos cor de mel, igual ao do pai... Lia é linda e eu mataria quem ousasse dizer o contrário.

- O nariz arrebitado com certeza é igual ao seu. - Amanda disse e sorri ainda mais, sem desviar os olhos da minha pequena.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.