Capítulo

Publicidade

A MADRINHA

Júlia, uma transexual ruiva, romântica e com ar de intelectual, moradore de Santa Fé, Novo México, namorava um cara lindo e perfeito, mas desconfiava se ele era fiel ou não. A dúvida a consumia por dias, semanas, meses... Até que não aguentando mais viver com essa indecisão, pediu para Lorena, sua melhor amiga, dar em cima dele só para testar a fidelidade do mesmo.

Lorena, como toda melhor amiga que se preze, testou a fidelidade do namorado de Júlia, aprovou e o mesmo terminou com Júlia para ficar com Lorena. Hoje eles moram juntos, vão casar e Júlia foi convidada para ser madrinha do casamento.

Como presente, Júlia sequestrou os dois e os torturou com um maçarico por três dias, juntamente com seu animal de estimação, que nada mais era do que um homem que ela mantinha em cárcere privado. Ela torturou os três, até que se cansou de tudo aquilo, amarrou sua amiga e seu ex-namorado, abraçados um com o outro, com câmaras de ar de pneus de bicicleta e cordas de náilon, jogou gasolina em cima deles e ateou fogo nos dois, que morreram carbonizados.

Após isso, a ruiva transexual pegou seu animal de estimação, colocou ele dentro da mala do carro que havia alugado e fugiu de Santa Fé, onde nunca mais fora vista.

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.