Capítulo

Publicidade

O DEVEDOR

Caminhando feliz por mais um dia de boas vendas, Charles tinha saído do seu emprego de corretor imobiliário de uma construtora com sede em um bairro nobre de João Pessoa, a poucos metros da Orla de Manaíra. O jovem recém-formado em administração tinha o emprego dos sonhos: sempre batendo metas de vendas e ganhando gordas comissões no fim do mês, junto com o salário.

Em sua moto de novecentas cilindradas, ele conduz seu veículo recém-comprado igual a uma faca cortando manteiga, pelas avenidas da capital paraibana, pensando no fato de que nunca imaginaria ter aquele emprego dos sonhos, se não tivesse feito um pacto com o diabo, para poder usufruir de toda essa vida de conforto e prosperidade.

Porém, o que a vida próspera de Charles o fez esquecer, era que todo pacto de luxo e conforto exige um preço. E o mesmo não pagou o preço cobrado pelo demônio em pessoa, quando ele procurou por um bruxo na área nobre de João Pessoa, para selar o pacto. Tanto que nesse mesmo dia, fora perseguido por ladrões tentando roubar sua moto. Como Charles era mais ágil e desviava melhor dos carros, os bandidos, ao se aproximarem o máximo que conseguiram, atiraram em suas costas à queima roupa e, ao verem o jovem cair, deram mais dois tiros em sua cabeça, levando sua moto e sua carteira com todos os documentos.

Charles teve uma vida de luxo, riqueza, prosperidade e brevidade na pacata cidade de João Pessoa, pelo simples fato de que o diabo é o melhor agiota do mundo: ele nunca esquece e nunca perdoa uma dívida. Ao longe se aproximavam um cachorrinho chamado Alu e um gato chamado Abel. Eles chegam perto do corpo de Charles, bebem o sangue que sai dos buracos de bala da cabeça de Charles, como se estivessem bebendo água. Assim que se fartam do sangue do jovem, continuam seguindo viagem.

 

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.