Capítulo

Publicidade

Inglaterra, 2º dia de abril de 1X13: Sensações

Aquele grupo destemido de cavaleiros, está cruzando a extensa floresta de Ringwood. As árvores são densas e os animais um tanto perigosos, sendo possível encontrar vários ninhos de falcões, serpentes e outros animais peçonhentos ao longo do caminho. Mas como aqueles homens enfrentaram vários inimigos sobrenaturais ao longo de sua vida, eles não se assustam tão fácil. O caminho por dentro de Ringwood é solitário. Mas eles conseguem suportar todo aquele silêncio com risos e gargalhadas insanas, pois além de terem a companhia uns dos outros, Heistein e Kraken são ótimos piadistas. Isso anima bastante a viagem, fazendo com que a jornada não seja assim tão cansativa.

De vez em quando aparecem alguns camponeses e condes indo para Londres, na estrada. Os cavaleiros da escuridão conversam com eles e quando falam sobre a missão que se destinaram a ter, muitos se admiram, ouros ficam com medo do tal lobisomem e alguns condes até demonstram um pouco de inveja do conde Lorrah, pelo fato do condado ser minúsculo e mesmo assim ser um dos mais ricos do país. Mas esses boatos não tiram os bravos guerreiros do foco, que é caçar o lobisomem e trazer a cabeça do monstro como troféu para o castelo Creepstone.

Quando o sol estava a pino, o general Von Serran ordenou que todos dessem uma parada para se alimentarem. Ao redor deles só se ouviam as próprias vozes e os ruídos da floresta. Após o almoço, sentaram à sombra de um enorme Carvalho para descansar um  pouco. E quando descansaram do almoço, eles montaram em seus cavalos e seguiram sua viagem normalmente até o condado de Likanárkia.

De repente algo os fez ficarem atentos: os animais pararam de fazer ruído. Um silêncio fúnebre tomou conta da floresta. Era como se alguma coisa estivesse ali os observando e a sensação era terrível. Eles tinham a sensação de que olhos monstruosos os olhavam por todos os lados. Empunharam então suas espadas apressadamente, principalmente quando ouviram um barulho por entre os arbustos. Radamantis, por ser o maior de todo o grupo, foi até o barulho averiguar e, além daquele homenzarrão ser arremessado como quem arremessa uma maçã ao longe, o barulho se afastou daquele grupo de cavaleiros a uma velocidade sobre humana.

Tanto o general Von Serran, quanto o resto do grupo ficaram assustados com a velocidade de como o ser, ou o que fora aquilo, se afastou deles. Nenhum animal que eles conhecessem, poderia correr tão rápido em tão pouco tempo. E pelo barulho que causava por entre as plantas, dava para perceber que além de rápido, se tratava de um animal enorme. Depois que o barulho cessou, os animais voltaram a produzir seus ruídos por entre as árvores. Como se o perigo houvesse passado.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.