Capítulo

Publicidade

Prólogo: Sanguinis Regnum +++

Um assassinato cometido em nome da loucura. Um amor incondicionalmente eterno. Uma vingança piamente cega. Imaginem a cena diante de seus olhos: horrível e dantesca! Um verdadeiro massacre! Um corpo caindo lentamente sem a mínima chance de defesa, foi alvejado por inúmeras flechas que vinham de várias direções e acertaram a vítima por todos os lados!

Seu algoz assassino, de mente fria e sanguinária, se aproximou sem piedade e virou o corpo até então de sua vítima, que já estava caído sobre o enorme salão dentro do castelo frio e úmido, (agora tomada por um sangue que ainda conseguia manter-se quente) se esvaindo em sangue e lágrimas. E ao ver seu rosto gritou:

- Não! Hannah não! - Seus gritos foram ouvidos além do castelo de Creepstone – Por Deus... Isso não! O que eu fiz? O que eu fiz? – Perguntou com a voz embargada, ao ver o rosto de sua amada Hannah Paola.

Ela em seus braços, com um fio de voz e vida que ainda lhe restava, acariciando seu rosto lhe disse:

– Não chore Von Serran... Eu te amo... Foi necessário o meu fim para que se estabelecesse a paz no reino da Inglaterra – disse Hannah sentindo o sangue em sua garganta e preenchendo suas narinas – O feitiço de lady Lawrie Blair foi para que seus olhos cegassem ao ponto de você ver em mim, o rosto de seu inimigo mais algoz: o ogro com cara de corvo, Nevermor.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.