Capítulo

Publicidade

PREFÁCIO: O VINHO QUE NOS UNE.

Wilson havia acabado de chegar da Universidade, depois de um entediante dia de pesquisas de campo. Ele estava feliz por ter voltado ao seu mundo de dinheiro e materialismo, mas estava sem querer ficar em casa. E o tédio só não o consumiu por completo, porque seu amigo Charles ligou dizendo que estava num pub próximo à casa dele: O Corvo.

Wilson, sempre atiçado pela vida noturna, aceita o convite na mesma hora, por que a grande maioria tem um clima boêmio, e esse não era exceção. Era o ano de 1980, dia 19 de janeiro e, apesar do dia inteiro ter sido nublado, a noite de sábado em Los Angeles estava bastante agitada. Ele falou a Charles que em meia hora ele chegaria. Dito e feito: o mesmo se arrumou rápido e chegou lá em vinte minutos.

Como não era dia de apresentação de alguma banda de rock, blues ou folk e só estava rolando o som da jukebox, ele não pagou nenhum dólar sequer para entrar e foi até a mesa onde Charles estava. O amigo estava fumando uns cigarros e tomando um vinho amontilhado. Sua garrafa ainda estava no começo, quando Wilson chegou.

Ficaram conversando sobre várias coisas do dia-a-dia, e já estavam na segunda garrafa de vinho, quando parou um carrão na porta do pub, e ela desceu: cabelos negros e lisos, magra, bem cuidada, mais ou menos um metro e sessenta e cinco de altura, olhos castanhos, corpo e alma joviais. Ela aparentava ter uns vinte e dois anos de idade, e estava acompanhada de dois rapazes da idade dela.

Como sentaram numa mesa próxima da de Wilson e Charles, não notar a conversa deles era impossível. Era de ficar impressionado de ver uma mulher linda, bem vestida, pronta e preparada para sair pra qualquer lugar, dando indiretas para um dos rapazes que a acompanhavam, dizendo que a noite estava boa para ir à praia de Santa Mônica ver a lua e as estrelas, passear sozinho etc. E o que aparentava ser o namorado dela estava apenas pedindo cervejas caras, que certamente ele ia pagar, para mostrar o seu status. Quando ouviu aquilo, Wilson chegou para Charles e disse:

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.