Capítulo

Publicidade

Capítulo 45

Enquanto andávamos na frente do teatro municipal, desviando de pedestres ou adolescentes bêbados, meus olhos passavam por todos os lados, procurando.

- Ele disse exatamente onde no viaduto a gente se encontraria? – Bruno perguntou, mas antes que qualquer um pudesse dizer alguma coisa, vi um homem alto e magro acenando na nossa direção. - Definitivamente nos filmes, eles não fazem isso. – Continuou e eu balancei a cabeça de um lado para o outro, antes de andar a passos largos até chegar perto do homem, que pelo cheiro podre, era um filho de licáon.

- Estava ansioso para conhecer o casal 20. – Ele disse assim que nos aproximamos o bastante.

- Cadê o meu filho?! – Dei outro passo na sua direção, mas Apolo me trouxe pra trás.

- No momento certo, vou pedir pra trazê-lo. – Deu de ombros e Apolo me puxou delicadamente para trás do seu corpo.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.