Capítulo

Publicidade

Damares Alves, Jesus Cristo e o pé de goiaba

Os esquerdistas e muitos anti-Bolsonaro,  ao se manifestaram a respeito de Damares Alves, ministra dos Direitos Humanos do futuro governo Bolsonaro, revelaram a podridão moral que os anima
*
Damares Alves, ministra do futuro governo Bolsonaro, foi estuprada dos seis aos oito anos, e ameaçada de morte; e tentou o suicídio. Corajosa, deu testemunho de seu sofrimento. E que presente ela recebe de esquerdistas e de muita gente que, por ódio injustificado ao Bolsonaro, critica, gratuitamente, toda pessoa que ao Bolsonaro está associada? Zombarias, chacotas, deboche. Deles não recebe um gesto de carinho, de compreensão, de respeito. E muitas dentre as pessoas que estão a debochar dela se consideram almas cândidas, superiores, suprassumo da bondade e da compaixão.
*
Damares Alves relata sua experiência de sofrimento. Criança, foi estuprada durante dois anos, e ameaçada de morte. Em vez a tratarem com zombarias, chacotas e deboches, deveriam fazer dela o símbolo de uma guerra contra os pedófilos, contra os que abusam das crianças, E os representantes dos Direitos Humanos, após o ataque que ela sofreu de pessoas que se dizem humanitárias, bondosas, compassivas, que respeitam a criança e a mulher, se calam. Fosse Damares Alves uma esquerdista, uma anti-cristã, os holofotes da mídia mundial estaria nela se projetando, iluminando-a, fazendo, dela, um emblema do combate ao machismo, ao capitalismo, à cultura do estupro, à família tradicional, ao Ocidente, ao conservadores.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.