Capítulo

Publicidade

VONTADE DE COMER FRANGO

Daisy, uma ruiva que morava sozinha em uma pequena casa de três cômodos,  já tinha acabado de fazer 18 anos e resolveu transar com o namorado, mesmo ela ainda sendo virgem, sem ele saber. Ela se arrumou toda e marcou com ele para irem a uma pousada pela primeira vez.

Lá chegando, ela tirou uma peruca de dentro da bolsa dizendo animada que ele ia desvirginar uma loira pela primeira vez e após ela colocar na cabeça, pegaram a chave de um quarto, entraram, sentaram na cama e começaram as carícias preliminares.

Papo vai, papo vem, quando deram por si, já estavam ambos despidos. Foi aí que o namorado de Daisy perguntou se ela gostava de frango assado. Assim que ouviu a pergunta, a jovem achou que ele estava falando de comida, pois ela estava com fome e disse que sim. O namorado posicionou ela e a inaugurou por trás, como se ela fosse uma tangerina.

Após a transa, aquela experiência foi tão revoltante para ela, que a mesma sacou uma faca de dentro da bolsa, virou-se para o namorado, tapou a boca dele e lhe rasgou a garganta, sem nenhuma pena ou remorso.

Após isso, ela tomou banho, se arrumou, pegou a carteira do namorado, retirou o dinheiro e os documentos, saiu do quarto, pagou por uma diária e disse que o namorado estava dormindo e não queria ser incomodado. Do lado de fora ela caminhou por três quadras, jogou a peruca loira em uma lata de lixo e sumiu.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.