Rom Dark
154
15

Capítulo

Publicidade

Capítulo Zero

Parem de pensar que sou algo ruim na vida de um ser humano. Vocês deveriam me agradecer, livro suas almas condenadas do tormento quando vocês pedem ou não. Mas não, sou sempre a culpada da dor de uma pessoa, julgada, utilizada como uma desculpa. Vocês não têm ideia de como isso me machuca.

Não acreditem quando te falam que a morte só chega quando a hora é a certa. Eu estou sempre por perto, sempre esperando o momento exato em que pouso meus lábios em algum ouvido humano e sussurro aquelas últimas e doces palavras, as palavras finais forçando seus olhos a se fecharam na escuridão eterna. Gosto de ser melodramática no último instante humano de cada um, torná-lo especial de alguma forma.

Não tenho preconceito com ninguém, seja ele de raça, credo ou cultura diferente. Aceito todos de braços abertos, confortando-os com a certeza de uma nova vida melhor que a anterior. Por isso alguns recorrem a mim quando tudo parece ser difícil demais para aguentar.

Vejo crianças chegando ao meu encontro e tenho vontade de chorar. Bebês então são os que mais me doem receber. Tenho até mesmo vontade de dizer "Volte, meu anjo. É cedo demais", mas cumpro minha árdua tarefa com competência. Alegro-me quando algum assassino é o escolhido do dia, sinto até mesmo o cheiro da vingança no ar ao seu redor. São esses momentos, em que a pessoa certa atravessa o jardim de minha casa, que eu vejo para o que realmente serve a minha existência.

Cruzei o caminho daquela humana tão diferente inúmeras vezes, mais até que o de algumas pessoas que mereciam. Sua vida já começou com minha visita breve, poucos minutos após o parto difícil de sua mãe, mas recuei decidida, sabendo que ela ainda não precisava ser abraçada por mim. Porém, ela pareceu me querer tantas vezes que eu quase sempre a queria também, mas era interrompida por um humano que estava presente para salvá-la.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.