Romance
74
3

Capítulo

Publicidade

Fotos


PARTE II - FRAGMENTOS - Capítulo 6

Estou aprendendo a caminhar com passos de bebê, a cada dia, avanço passos que para qualquer outro seria normal mas que para mim é uma vitória.
Quando se está quebrado e lesado aprendemos da pior maneira a enchergar o mundo de outra forma. Depois de ser prisioneira da ganancia e condenada ao laço do rancor dos homens, hoje finalmente estou vivendo minha rendenção e colhendo meus fragmentos.

Fui sugada para satisfazer o ego de pessoas que estiveram perto de mim mas que nunca me conheceram ou se preocuparam com meu bem estar, mas que só queria me extrair e usufluir de meu corpo e ainda me levarem para a escuridão.

Vocês pensam que sou liberta? Pois te afirmo que não. Hoje sou prisioneira de mim mesmo. Sou prisioneira dos traumas, medos e da escuridão em minha volta.
Muitas das vezes quis sair de mim e esquecer quem sou hoje, mas não se esquece anos de torturas e coação do dia para noite.

Quando fui resgatada por Puilip acreditei que em algum momento ainda poderia ter restado algum fragmento de quem eu era antes do sequestro e que conseguiria seguir em frente e poder respirar um novo ar mesmo em meio a tantas dores.

Só que isso não era verdade. Tudo não passou de mera ilusão da minha mente fantasiosa. Quem eu fui, ou deixava de ser, nunca mais serei. Não digo pelos anos que vivi com meus tios, mas para os que pude viver com meus pais quando vivos.

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.