Capítulo

Publicidade

6. A luz entre as trevas

Algo que não apenas eu, mas todos sabemos é que, algumas vezes em nossas vidas, iremos confiar tanto em algo que por final, talvez possamos ser desapontados, e eu aprendi isto, tenho gravado em minha cabeça e principalmente meu coração. Agora, meu coração pulsa desenfreado, a ansiedade está a flor da pele e não é algo ruim, é bom, sei que minha consciência implora para que eu espere, não acelere as coisas e tenha paciência, mas o fato de eu estar morando na mansão Darkness leva todos os avisos por água abaixo. Cheguei naquele dia, pensando o quão seria bom viver naquele lugar, cheio de luxúria e glamour e conseguir um bom futuro preparado pelo meu pai e realizado pelo Sr. Alexander, lembro-me que haviam dias em minha casa, que meu pai chegava tarde, muitos minutos atrasado pois quando abria a porta, eu e minha m&atil

A grama está molhada da serenidade noturna, e as árvores continuam o mesmo, secas, brancas e cobertas de neve, o que não é uma novidade. Caminho o mais rápido que posso, alguns raios solares atravessam a cobertura de galhos acima de mim mas não é capaz de tirar minha atenção, estou focado em outra coisa, o garoto que está parado em frente ao portão gigantesco que divide a mansão Darkness do mundo afora. Thomas usa um casaco preto que destaca seus olhos claros e também as mechas loiras, em seu rosto, um sorriso gentil aparece ao me ver e eu respondo com outro, meu coração se enche de felicidade sem motivo o que me faz temer e gostar ao mesmo tempo. Será que isso é gostar de alguém?

– Bom dia? – perguntou sorridente enquanto eu abria a fechadura, próximo dali, o carro azul-escuro estava estacionado á minha espera, e isso me fez sorrir. Eu realmente me sinto um idiota. 

– Bom dia, Thomas – respondo-o enquanto fecho o portão, viro-me e sinto um cheiro bom, acho que é seu perfume. Por que estou assim? – Tudo bem?

Sua expressão foge de sorridente para uma careta cômica

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.