Capítulo

Publicidade

Capítulo 39: Luna di miele (pt 4 - final)

Capítulo 39: Luna di miele (pt 4 - final)

Observei meu marido tomar um analgésico. Eu estava sentada no sofá de seis lugares da ante sala que dava acesso à varanda, tínhamos um terraço e um banheiro privativo com uma banheira para dois.

O quarto estava engolido por essa atmosfera silenciosa e pesada. Ainda estávamos com o cheiro da maresia em nossos corpos, o sal do mediterrâneo e eu começava a sentir a pele um pouco seca, de queimar no sol, mas estava preocupada com Santino e suas dores, as vezes elas ficavam bem intensas e ele fica extremamente mau-humorado quando está com dor.

A pistola cromada de Santino estava em cima da mesa, estrategicamente posicionada caso precisasse usá-la, o que eu duvidava, mas Santino era um homem precavido. Ele estava de costas para mim, desci os olhos pela linha de sua jaqueta, conferindo sua calça jeans com um pouco de areia da praia presa no tecido.

Santino largou o copo em cima da mesinha e se aproximou de mim, sério:

...

...

...

É preciso estar logado para visualizar o restante do capítulo.

Este conteúdo é protegido pela Lei nº 9.610/98 – a Lei de Direitos Autorais.
Assinar ou apresentar como seu é crime pois viola os direitos de autor.

O acesso a este conteúdo é registrado de acordo com as políticas de uso.

Ir para outro capítulo:

Capítulo comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários

Carregar Mais

Livro compartilhar

Olá , você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.