Válvula Onírica

Suspense-Mistério

Livro resumo

Iniciar/continuar leitura

Ir para o capítulo

Estatísticas totais


7

3

0


Classificação

Livre

Publicado em

11/04/17

Status

Finalizado

RESUMO

Muitas vezes algumas pessoas se cansam daquilo que consideram inicialmente como suportável. Mesmo que sejam injustiças cometidas contra si, críticas, julgamentos, tradições ou relações. Uma hora, mesmo o mais simples ato rotineiro pode fazer com que sua paciência se esgote ou, quando isso não acontece, uma trilha ainda mais perigosa pode ser tomada. Um caminho tortuoso que é muitas vezes levado em silêncio até que se torne realmente insuportável. Então, nesse segundo limite é que a situação se agrava. Pois adiante dele há somente aflição, loucura, desapego e libertação. Podemos imaginar esse cenário como uma enxurrada súbita de uma represa. Onde a água que para todos é necessária, se acumula aos poucos e enfim se descontrola, invadindo e arrastando tudo em sua volta. A fim de evitar isso, muitos especialistas recomendam uma válvula de escape. Para relaxar, se harmonizar, e esquecer daquilo que tanto nos estressa. Seria uma boa ideia se o fluxo de pensamentos de todas as pessoas fossem exatamente iguais. Mas essa não é a realidade. Afinal, qual a solução quando as válvulas não dão mais conta? Quando o seu máximo não é suficiente? Ou mesmo quando elas não podem ser abertas? A verdade é que não há solução. A represa explode de qualquer forma. O máximo que nós podemos fazer é deixar as válvulas sempre abertas, pingando, sem nos importar com o que outros digam sobre “racionamento”. E, claro, torcer para isso durar até que a água acabe.
Publicidade

Livro complementos

Fotos

Livro capítulos

#

Título do capítulo

Publicado em

1
Publicado em: 11/04/17
Estatísticas:
5
1
0
2
Publicado em: 11/04/17
Estatísticas:
2
1
1

Total (contando o resumo)

7
3
1

Livro comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro.

Comentários


Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.