Filhas do Segundo Sexo

Poesia

//)"> // -->

Livro resumo

Iniciar/continuar leitura

Ir para o capítulo

Estatísticas totais

2
1
1


Classificação

Livre

Publicado em

24/04/17

Status

Em Andamento

RESUMO

Quem procura lógica entre o que o autor escreve e o que pensa, desista, pois será uma tarefa inglória e, certamente, acabará sucumbindo sem respostas.
Quem tiver o desejo de identificar o move e buscar alguma coerência ou alguma razão no que escreve, esqueça, pois encontrará tantas respostas que vão sobrar dúvidas.
O que escreve habita entre a dúvida e o momento da decisão. É neste pequeno espaço do pensamento, do inconfessável que Sergio brinca com as palavras e faz o leitor tropeçar nos pensamentos subterrâneos.
O poeta desfila “pessoas esfinges” que trazem sinais do tempo, das emoções e das forças que movem os seres. A busca pelo prazer ou simplesmente pelo deserto do dia seguinte. Sergio busca nas vísceras dos seres que habitam o seu poema os elementos do mundo contemporâneo. E, ao contrário do processo de mumificação dos faraós, onde o cérebro era retirado pelo nariz, Sergio retira os versos. Prefere a frieza do vazio para mostrar o avesso.
Leia e tente decifrar como Édipo desvendou os segredos da esfinge. No entanto tenha cuidado para não ser devorado pelas FILHAS DO SEGUNDO SEXO.

Publicidade

Livro complementos

Elenco


Filhas do Segundo Sexo
apenas R$4,99
Amazon https://www.amazon.com.br/dp/B01KMLAGF0
impresso Brasil http://www.perse.com.br/novoprojetoperse/WF2_BookDetails.aspx?filesFolder=N1438705962979
impresso Portugal http://www.bubok.pt

Vídeo

Livro capítulos

#

Título do capítulo

Publicado em

1
Publicado em: 25/04/17
Estatísticas:
2
1
0

Total (contando o resumo)

2
1
0

Livro comentários

É preciso estar logado para poder comentar. clique aqui para entrar ou fazer o cadastro

Comentários


Livro compartilhar

Olá, você pode compartilhar ou convidar seus amigos, para ler esse livro através do Facebook, Twitter ou Email.